Artigos

Métricas de marketing: em terra de cego quem tem um olho é rei

As métricas de marketing mudam constantemente e os profissionais precisam se manter no caminho certo com as tendências globais.

 

Se estivéssemos 1922 e tivéssemos um negócio, a maior parte do tempo gasto no trabalho seria tentando desenvolver um produto perfeito. Se esse produto fizesse os clientes falarem sobre isso com seus amigos e familiares, esse seria o maior marketing que poderia ter sido feito naquela época.

Hoje, a regra de ouro diz que pelo menos 20% de todos os lucros devem ir para o departamento de marketing se quiser ver seu negócio crescendo. O marketing é uma grande parte de todas as indústrias, e não se dedicar a isso significa que a empresa pode em breve falhar completamente. Portanto, contratar uma equipe de marketing é essencial.

Em 2022, as tendências estão mudando. O marketing está avançando, novos modelos tornaram-se valiosos, enquanto os antigos são menos significativos. Como um comerciante, é preciso saber o que funciona melhor para o empreendimento. Usar as principais métricas para seguir as estratégias de marketing proporcionará sucesso à empresa.

O que são métricas de marketing?

Passar por ideias, planos e estratégias é excelente antes de começar qualquer coisa. Uma vez que a equipe de mercado esteja pronta, eles definiriam a estratégia acordada e continuariam com seus planos. Seja falando de marketing tradicional ou digital, estamos pensando em criar uma campanha por um motivo específico.

Para ter certeza de que se está liderando campanhas bem sucedidas, precisamos acompanhar seu progresso. Vários indicadores chave de desempenho nos mostrarão se uma determinada promoção está indo muito bem ou nossos esforços de marketing não valeram a pena, e precisamos pensar em mudanças e fazer novos planos.

Com tantas métricas disponíveis, é fácil para os profissionais de marketing ver onde as coisas estão dando errado. No entanto, essas métricas mudam constantemente, e os profissionais de marketing precisam se manter no caminho certo com as tendências globais.

Por que as métricas de marketing importam?

É fácil para a equipe de vendas mostrar seu sucesso porque eles medem tudo em dinheiro puro. No marketing, não é tão simples. As campanhas de marketing podem continuar por meses e às vezes até anos antes de se materializarem.

A maioria dos profissionais de marketing mostrará um cronograma de eventos e expectativas para seus superiores e explicará que os resultados verdadeiros acontecerão após um período fixo. Até o momento final, eles definirão vários marcos que a equipe vai mirar.

Para saber que o trabalho está indo bem, todos precisam seguir as métricas e os números por trás deles. Por exemplo, se o objetivo da equipe de marketing é gerar um número fixo de leads, eles planejam fazer isso até uma data específica no futuro. As métricas mostrarão se estão se movendo na direção certa.

Se os esforços não forem bem sucedidos, algo em algum lugar está dando errado. Talvez toda a campanha esteja definida de forma errada, ou alguns dos principais membros da equipe não estejam fazendo seu trabalho corretamente. Através dessas medições de marketing é fácil encontrar a falha e removê-la. Uma vez que a falha é removida, as anotações no futuro devem mostrar resultados diferentes. Os profissionais de marketing tentaram remover todos os erros até atingirem seus objetivos.

Definição e direcionamentos de estratégia

Dependendo do negócio, do produto, da marca e de muitas outras questões, uma estratégia de marketing pode diferir tremendamente de um negócio para outro. As duas principais estratégias, push e pull (empurrar e puxar), exigirão diferentes aplicações de marketing, e os profissionais, juntamente com os gestores, devem escolher as certas.

Cada empresa tem várias metas estabelecidas à sua frente que visam alcançar em um período. Alguns demoram mais, enquanto outros devem acontecer mais cedo. Pense em quanto tempo uma determinada estratégia deve levar, e esforce-se por ela usando as métricas de marketing certas para acompanhar o progresso.

Métricas chave em marketing

Como mencionei, cada negócio tem objetivos diferentes, mas quase todos eles terão vários que são iguais. Por exemplo, todas as empresas vão querer ver um aumento nas vendas de um ano fiscal para o outro. Todas as empresas vão querer ver mais clientes entrando em suas lojas físicas do que antes.

Essas e muitas métricas são facilmente medidas usando táticas de marketing. Os profissionais do mercado usarão várias ferramentas e dados de todos os setores da empresa para medir como seus esforços estão indo. Aqui estão alguns casos para mostrar como as empresas usam métricas de marketing para medir seu sucesso:

Exemplo nº 1

O principal objetivo da equipe de marketing é aumentar as visitas ao site da empresa. Os profissionais de marketing fizeram vários esforços para isso. Eles definiram anúncios nas redes sociais, publicaram alguns de TV e rádio, colocaram muitos backlinks em revistas online notáveis e lideraram uma campanha agressiva em seus perfis nas redes sociais.

Essa métrica de marketing é chamada de engajamento e é relativamente ampla, usada pelos profissionais de marketing para ter certeza de que usará uma plataforma de análise como o popular Google Analytics ou sua alternativa para campanhas de marketing de afiliados – Vollum.

Se os gráficos mostram um aumento constante de novos visitantes, a campanha está indo muito bem, mas se os números projetados são maiores do que os visíveis, significa que a campanha carece de algo e precisa ser melhorada.

Exemplo nº 2

A equipe de marketing pede investimentos em influenciadores de redes sociais e afirma que o retorno do investimento que eles fornecerão é de 350%. Essa métrica de marketing envolve ROI, marketing de mídia social, geração de leads e conversão.

Espera-se que o investimento gere novas conversões para um determinado produto, e mais novos follows (leads) no perfil nativo das redes sociais. Ainda assim, nem a equipe de vendas e nem os marcadores que procuram o perfil das mídias sociais veem um aumento significativo.

O retorno do investimento não foi tão bem sucedido e precisa ser ajustado, tornando-o ainda mais importante da próxima vez.

Conclusão

Quem sabe o que o próximo ano trará como tendência. A internet é altamente imprevisível, e ninguém sabe como o funil de marketing do próximo ano será melhor feito. O que sabemos é como fazer marketing este ano. As pessoas que não seguirem as tendências e ficaram presas em 2015 e, portanto, não irão obter sucesso com seus clientes.

É importante entender que tecnologia mudou, o valor da vida do cliente é alterado, as mídias sociais são transformadas e as métricas de marketing também. Como empresário, é preciso saber quanto dos lucros podem ser transformados em orçamentos de marketing.

Ou seja, se há algo que não está dando certo no momento, não hesite em fazer mudanças ao longo do caminho. Ninguém é todo-poderoso, ao ponto de poder criar uma campanha de marketing perfeita sozinho e é por isso que métricas são criadas. Monitore minuciosamente como seus esforços se desenvolvem e faça mudanças onde necessitam realmente ser feitas.

Oportunidade para empresas: Líderes procuram por soluções digitais O principal evento de Negócios da Economia Digital e Tecnologia | Digitalks Expo SAIBA MAIS

Adriano da Silva Santos

Jornalista e escritor, formado na Universidade Nove de Julho (UNINOVE). Reconhecido pelos prêmios de Excelência em webjornalismo e jornalismo impresso, é comentarista do podcast "Abaixa a Bola" e colunista de editorias de criptomoedas, economia, investimentos, sustentabilidade e tecnologia voltada à medicina.

Comentários

PUBLICIDADE