Menu

Notícias

SP: Centro, Pinheiros e Butantã lideram roubos de celular na capital

Pense duas vezes antes de usar o celular na Paulista. Segundo levantamento da BemMaisSeguro.com, esta é a via com maior número de roubos e furtos de aparelhos em São Paulo. O estudo utilizou dados do site Onde Fui Roubado – baseados nos relatos de vítimas que registraram ou não o boletim de ocorrências – para descobrir as regiões e ruas da capital paulista onde esse tipo de crime é mais recorrente.

A pesquisa aponta que o Centro é o bairro com o maior número de registros, seguido por Pinheiros e Butantã, respectivamente. Depois da avenida símbolo da cidade, as ruas Consolação e Augusta concentram a maior parte dos roubos e furtos de celulares. “As regiões com grande aglomeração de pessoas e com maior poder aquisitivo são as mais visadas pelos assaltantes”, explica o presidente da BemMaisSeguro.com, Marcello Ursini.
unnamed
:: Consulte a Pesquisa Completa para Rio de Janeiro e Belo Horizonte ::
Ainda segundo o estudo, 60% dos casos ocorrem durante a noite e o prejuízo médio com a perda do aparelho é de R$ 1.157. De acordo com a empresa, 63% das pessoas já fizeram ou têm a intenção de fazer um seguro para o smartphone. “O celular passou a ser o bem de maior valor que as pessoas carregam consigo. Por conta disso, o seguro para o smartphone tornou-se uma proteção importante e cada vez mais procurada”, diz Ursini.
As opções básicas de seguro cobrem somente roubo e furto qualificado, mas existem proteções contra quebra acidental, queda de líquido e ligações não autorizadas, como a oferecida pela BemMaisSeguro.com, com mensalidades a partir de R$ 29,99 por mês. Com preços acessíveis, a corretora online chegou ao Brasil há pouco mais de um ano com uma proposta inovadora: vender seguros pela internet em segmentos ainda pouco explorados.
Metodologia
Estimativas oficiais da Secretaria de Segurança Pública (SSP) apontam o crescimento no número de roubos e furtos envolvendo celulares no município de São Paulo, mas não informam onde estão concentradas estas ocorrências. Para detalhar os locais mais visados pelos criminosos, a BemMaisSeguro.com analisou dados da plataforma colaborativa Onde Fui Roubado, que registrou 2.560 roubos de aparelhos entre maio de 2014 e abril de 2015.
O Onde Fui Roubado permite às vítimas registrarem sua denúncia – com recursos de geolocalização – por aplicativo ou web. A iniciativa ajuda a mapear o perfil de crimes envolvendo roubo de objetos nas principais cidades do país, com o intuito de chamar a atenção das autoridades e usar as informações como forma de prevenção. Ao longo de dez anos, o site já registrou 50 mil denúncias em todo o Brasil.
O que fazer caso seja vítima de um roubo
1. Nunca reaja
2. Bloqueie o chip do celular com a sua operadora
3. Faça um boletim de ocorrência online ou na delegacia mais próxima
4. Solicite o bloqueio do IMEI com a operadora, após fazer o B.O. O número pode ser encontrado na nota fiscal do aparelho
5. Caso tenha seguro, acione-o para ressarcir seu prejuízo
Fonte: https://bemmaisseguro.com/

Comentários

PUBLICIDADE