Indicadores de Mercado

A inteligência artificial pode interferir na jornada de compra?

Pesquisa inédita mostra como a inteligência artificial trará economia de tempo e dinheiro

 

Integer\OutPromo, agência de shopper marketing do grupo Omnicom, realizou a EMBRACING THE MACHINES: AI’s Collision With Commerceuma pesquisa que traz tendências que vão impactar os shoppers das gerações X, Y e Z e o varejo nos dias de hoje. Inédito no Brasil, o estudo foi apresentado no Commerce Experience, evento-proprietário da agência, realizado no auditório do CUBO Itaú, em São Paulo.

Criamos este evento proprietário para apresentar para o mercado os dados dessa importante pesquisa, além de outras tendências e ferramentas exclusivas de Shopper Marketing e Customer Experience, como o CX3® – Consumer Experience 3D, por exemplo”, disse Ricardo Franken, sócio e CCO da agência.

 

Desenvolvida por Craig Elston, Global Chief Strategy Office do The Integer Group dos E.U.A., a pesquisa aponta como a Inteligência Artificial pode impactar a jornada de compra dos shoppers.  O cenário da Inteligência Artificial é bastante positivo e a adoção da tecnologia já é esperada em muitas áreas; o foco é ajudar na economia de dinheiro e, consequentemente, tempo. Para o futuro, espera-se que ela tome uma postura mais pessoal na vida do shopper, algo como um assistente pessoal, um personal stylist, concierge, alguém que o ajude a tomar melhores decisões.

“A automatização da nossa memória é uma realidade próxima. Agora tudo fica na nuvem, mas esse modus operandis está (há tempos) evoluindo para outras áreas da nossa vida, por exemplo, os nossos hábitos de consumo. Isso é feito através da Inteligência Artificial, que trabalha registrando o que a gente compra, entendendo a periodicidade dela e avisando quando vai faltar, ou quando tem um bom desconto.”, explicou Eduardo Assunção, planner da Integer\|OutPromo.

Apesar do conceito estar presente em diversas manchetes, a AI ainda é um mistério: os participantes da pesquisa tratam o assunto como “coisa de alienígena, ou “alguma coisa relacionada a robôs, como eram nos filmes de ficção”. Entretanto, segundo a pesquisa, 40% dos 3.665 entrevistados estariam dispostos a deixar suas compras do dia a dia (como amaciante, detergente, saco de lixo, etc.) nas mãos de uma Inteligência Artificial. Mesmo sem saber direito o que é de fato inteligência artificial, 90% dos pesquisados dizem estar abertos para “smart home devices“, que tornarão, num futuro próximo, a nossa geladeira em um ponto de venda inteligente. Outro aspecto importante é preço: 78% dos pesquisados dizem que o maior benefício buscado nessa tecnologia é economizar dinheiro, outros 74% dizem esperar encontrar melhores ofertas por meio dessa ferramenta. Um dos principais players do mercado de AI é a Amazon, o maior e-commerce dos EUA, e onde 50% das buscas por marcas acontece.

Os resultados da pesquisa (em inglês) estão disponíveis no neste link

 

Indicadores Relacionados

Comentários

PUBLICIDADE

RECEBA NOVIDADES

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Oferecimento:

Projeto mantido por:

Media Partners:

Projeto hospedado por: