Artigos

O desafio da gestão de dados nas empresas

Saiba como administrar o volume de dados que as empresas coletam pode ser uma solução para melhorar a produtividade

 

A transformação digital trouxe inúmeros ganhos para as empresas, como comunicação mais eficiente, acesso à diversas aplicações, troca de informações em tempo real, enfim, são tantos que eu poderia gastar páginas e páginas elencando todas elas. Porém, em meio a esses benefícios, algo traz dor de cabeça para os executivos: o grande volume de dados. Nunca tivemos acesso e armazenamos tantas informações como agora e isso exige memória, espaço e tempo dos profissionais. Em um mundo cada vez mais digital, a agilidade é uma realidade cada vez mais presente no dia a dia de corporações. Sabe quando aquele cliente liga pedindo uma informação antiga e você precisa revirar pastas atrás dela? Ou quando precisa tirar uma dúvida simples do seu chefe sobre o histórico de vendas e isso te toma algumas horas e olhares frustrantes dele? E até mesmo quando algum novo ataque surge e você simplesmente não sabe se seus dados estão seguros o suficiente para passar ileso por isso?

Segundo pesquisa realizada pela Veritas este ano, a Value of Data, o desafio de gerenciamento de dados custa às organizações US$ 2 milhões por ano. E se tempo é dinheiro, esse valor cresce ainda mais, porque os funcionários perdem duas horas em média por dia pesquisando dados, resultando em uma queda de 16% na eficiência da força de trabalho. Este é um retrato do mundo todo, pois o estudo ouviu 1.500 tomadores de decisão de TI e gerentes de dados em 15 países, dentre eles Brasil, México, Estados Unidos, Reino Unido e Alemanha.

Esses e outros insights da pesquisa deixam claro o alto grau de incertezas que os profissionais enfrentam quando o assunto são os dados. Além de terem que se preocupar sobre onde eles estão hospedados, precisam se atentar também à segurança e disponibilidade deles.

O mindset que as companhias precisam ter é de que possibilitar um acesso eficiente aos dados, faz com que os funcionários consigam tomar decisões mais embasadas e seguras. Porém, como fazer esse gerenciamento de uma maneira eficiente? A resposta é simples, invista em uma solução que dê visibilidade, garantindo, ao mesmo tempo, a segurança e o armazenamento eficiente. Contando com ajuda de uma companhia especializada neste tipo de ação, é possível identificar e agir diante de perigos e oportunidades, revelando assim o verdadeiro valor de seus dados.

É sabido que diversas empresas enfrentam muitos desafios quando o assunto é administrar tudo que ela gera. Caso esse problema não seja resolvido em breve, além de perderem competitividade, elas ficarão cada vez mais expostas a ameaças, a queda de produtividade e, o mais importante, com alto tempo de resposta a qualquer tipo de questão, frustrando seus clientes. Não queremos que isso aconteça, não é mesmo?

Gustavo Leite

possui mais de 19 anos no mercado de TI, dos quais nove anos foram em cargos de liderança. O executivo está há dez anos na Veritas, tendo sido responsável por vendas corporativas e do setor público no País e, desde agosto do ano passado, ocupa a posição de country manager para o Brasil. Durante sua trajetória profissional, Leite trabalhou em diversas áreas como vendas, técnica e canal, sempre priorizando a satisfação de clientes e parceiros.

Comentários

PUBLICIDADE