Artigos

Gameficação no ambiente de trabalho

Para entender como funciona a gameficação no ambiente de trabalho e de que maneira ela pode ajudar a empresa a ser mais produtiva é fácil,  basta remeter à época da escola, onde os melhores alunos ganhavam medalhas, estrelas no quadro ou o direito de sair primeiro da sala após entregar o dever. No ambiente de trabalho, esta metodologia motiva os colaboradores a serem mais produtivos de uma forma descontraída, interativa e intuitiva, sem aquela típica pressão de ferramentas de gestão de projetos que deixam qualquer um apavorado.

Gameficação nada mais é que a utilização de mecânicas e dinâmicas de jogos para engajar colaboradores a resolver problemas, melhorar o aprendizado e aumentar a produtividade no ambiente de trabalho. Usando esta estratégia, é possível estabelecer pontuações por ações, tarefas e estabelecer metas. A premiação pode ficar por conta da empresa (day-off, almoço, prêmio físico e etc).

 

Implantando a gameficação

Qual é o ponto fraco da sua empresa? O comportamento dos colaboradores, horário, qualidade das entregas, motivação ou engajamento da equipe? Defina uma ordem desses exemplos citados (pode incluir mais se setiu falta de algo), liste objetivos da implantação da gameficação e suas bonificações.

Após esse processo, é hora de colocar tudo na prática. Escolha um grupo ou setor de teste para implementação do sistema por um período determinado. Colha feedbacks dos envolvidos para amadurecer a ideia e todos os passos antes de colocar este modelo de trabalho para o restante da empresa. Escolhida a plataforma, deixe que eles entrem no jogo. Estimule a competitividade dos colaboradores, criando um ranking com níveis de progresso dentro dos projetos da empresa, assim, premie os melhores.

Ainda não foi convencido que a gameficação pode salvar a produtividade de seu time? Sabemos que a maior parte da população com grande potencial de produtividade no mundo pertence à Geração Y (ou Millenials) e à Geração Z (todos nascidos após a década de 1980). A gameficação se enquadra como metodologia de aprendizagem ideal para esse público, visto que, essas gerações já nasceram segurando um joystick, um mouse ou um celular. São estimuladas com recompensas o tempo todo, quer seja com curtidas nas redes sociais e visualizações em seus vídeos ou conquistas e pontos em jogos.

É só olhar ao seu redor e ver que a todo momento estamos pensando em nos recompensar com pequenos prêmios por algum feito. Quem nunca se presenteou com uma refeição mais requintada após a concluir um importante trabalho?

 

Phelipe Barros

é Publicitário e especialista em redes sociais. Formado pela FAM é Produtor de conteúdo para internet há quase uma década. Viu quase todas as redes sociais nascerem e acredita que a tecnologia pode nos ajudar a tornar o mundo mais inteligente e humano.

Comentários

RECEBA NOVIDADES

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.