Artigos

Como fazer a sua marca ser “o garoto mais popular do colégio” nas redes sociais?

Foto: Menino vestindo camisa xadrez com a mão no queixo fazendo pose. redes sociais.

Todas as marcas que estão nas redes sociais querem, em primeira instância, a mesma coisa: vender mais.

Mas, muitas já perceberam que, apesar do trabalho nessas mídias contribuir, de forma direta, para o aumento das vendas (vide Social Ads, Instagram Shopping e outros), na maioria deles, ele influencia indiretamente. E entender esse aspecto é fundamental para alinhar as expectativas quanto às redes sociais e, claro, mensurar as coisas certas.

Então, se você acha que métricas como likes, alcance, visualizações e número de seguidores são apenas “vaidade”, é hora de rever seus conceitos. Apesar de não dizerem muito sobre o ROAS, essas métricas indicam o crescimento de uma marca, a ampliação do seu alcance e, consequentemente, do seu potencial de conversão de novos clientes.

Antes de vender, ensinar, cativar ou converter é preciso, em primeiro lugar, ser visto. E as redes sociais são canais perfeitos para isso.

Mas, afinal, como ter sucesso nas redes sociais? Como transformar esses ambientes em terreno fértil para a construção e fortalecimento de uma comunidade em torno da marca?

Para te ajudar a desenvolver estratégias de comunicação eficientes, criar conteúdo de qualidade e fazer das redes sociais um canal de relacionamento com o público, veja as dicas abaixo.

 

1 – Dê ouvidos para sua audiência

Já parou para ouvir o que os seguidores dizem sobre sua marca? Ou melhor, já aproveitou esses insights para criar conteúdo que realmente interessa para eles?

Responder os comentários dos seguidores traz credibilidade, fortalece a relação e gera mais confiança no futuro cliente, que pode estar pesquisando sobre a empresa nas redes sociais.

Além de promover a marca, a interação com os usuários nas redes serve como fonte de pesquisa para elaborar os próximos conteúdos, campanhas ou até mesmo para planejar novos produtos e serviços. Então, acompanhe a repercussão dos seus conteúdos nas redes sociais e tome ações futuras a partir desse monitoramento. O uso de ferramentas de monitoramento é indispensável aqui.

 

2 – Venda sem mostrar que está vendendo

Estamos vivendo a era das redes sociais, as estratégias de vendas das empresas mudaram e o comportamento do consumidor também! Hoje o usuário tem o poder de selecionar o conteúdo que será consumido, quem ele quer seguir, o que ele quer ver e caso ele veja um conteúdo que não goste, ele simplesmente escorrega o dedo na tela e passa para próxima informação.

Levando em consideração que:

  • 47% dos consumidores online no Brasil evitam clicar em anúncios (fonte Pwc Brasil);
  • 40% dos usuários de internet usam extensões de navegadores que bloqueiam anúncios (pesquisa We Are Social 2018);
  • 80% dos usuários do Facebook ignoram os anúncios que aparecem em sua timeline (estudo Reuters/Ipsos).

Apostar em conteúdo de qualidade com informações úteis é uma ótima saída para prender a atenção dos usuários. Por isso, ao criar seu conteúdo, passe a mensagem de como você pode ajudá-los, faça com que eles criem uma percepção de valor sobre aquilo que você oferece, desperte a sensação de que eles precisam do seu produto ou serviço.

 

3 – Fomente UGC

Aproveite o conteúdo criado e compartilhado pelos seus seguidores nas redes sociais para promover sua marca. Seja por meio de tweets, stories, vídeos, post ou comentários, esse material é muito valioso, pois ele demonstra o sentimento autêntico do usuário e tem um peso considerável na decisão de compra de outras pessoas.

Mas para que o UGC faça sucesso e traga o retorno esperado para a marca é preciso elaborar estratégias de fomento e compartilhamento desse tipo de conteúdo. Assim como em qualquer outra campanha de marketing bem-sucedida é preciso estabelecer um objetivo e ter um plano de ação.

Caso ainda não haja um volume grande de UGC para sua marca trabalhar, não se preocupe, você pode incentivá-lo com algumas ações, por exemplo, criando perguntas específicas para os usuários ou usando hashtags estratégicas junto com o nome da marca.

 

4 – Mantenha a frequência das postagens nas redes sociais

Constância é a chave para manter qualquer negócio vivo nas redes sociais. Postar conteúdo com frequência é muito importante para que sua audiência não se esqueça de você. Sabe aquela velha frase “quem não é visto, não é lembrado”? Então, ela continua valendo.

Manter a frequência traz vários benefícios para as marcas, faz com que o conteúdo seja indexado mais facilmente pelos buscadores, aumenta o volume de acessos, cria novos vínculos e fortalece relacionamentos já existentes.

Para evitar erros como postagens repetidas ou até mesmo publicações fora do planejamento, crie um calendário editorial. Ele te ajudará no planejamento, prazos, datas e canais de postagem. Além disso, são essenciais para garantir o desenvolvimento da estratégia de conteúdo.

 

5 – Invista em marketing de conteúdo

Se sua empresa quer educar o público, gerar autoridade e estruturar relacionamentos sólidos com clientes, ela precisa investir em marketing de conteúdo. Essa estratégia é 62% mais barata que o marketing tradicional, gera 3 vezes mais leads e as empresas fazem uso dela convertem 6 vezes mais que as outras.

Mas para ter sucesso com marketing de conteúdo é preciso atuar em alguns pilares básicos antes de começar a sua produção, como a definição da buyer persona, escolha das palavras-chaves, técnicas de SEO, definição do tipo de conteúdo, escolha certa dos canais, cronograma para todas as ações e a definição dos responsáveis.

Saber como desenvolver estratégias de marketing assertivas para encurtar o relacionamento com o público e criar vínculos mais afetivos é essencial para melhorar o desempenho da sua marca e fazer com que ela seja, cada vez mais, querida e popular nas redes sociais.

Mariana Cabral

Especialista em Inbound Marketing e SEO, Mariana é Head de Conteúdo da mLabs, a Ferramenta de Gerenciamento de Redes Sociais líder no Brasil.

Comentários

PUBLICIDADE