Artigos

Como escolher as melhores ferramentas e meios para divulgar o meu serviço ou produto

Escolher o melhor meio e ferramentas para divulgar produtos e serviços não é uma tarefa exata e depende muito do seu tipo de negócio

A propaganda como uma ferramenta de influência e persuasão é a forma mais usada para promover e estabelecer ideias, causas ou uma doutrina.

Por meio de vários recursos, organizações e marcas criam e divulgam conceitos, ideias e até formas de como ganhar dinheiro na Internet com seus produtos e serviços.

No contexto dos negócios, a propaganda é um dos pilares que sustentam e mantém a sobrevivência e o progresso das empresas e organizações.  

Por isso, hoje, vamos nos aprofundar um pouco mais nesse tema e entender como escolher as ferramentas e os meios adequados para fazer propaganda e atingir os objetivos traçados na sua estratégia.

 

Como escolher as ferramentas e os meios adequados para fazer propaganda do meu serviço ou produto?

Antes de tudo é preciso frisar que Propaganda, Publicidade e Marketing são áreas e coisas diferentes, embora sejam usadas em conjunto e se complementem entre si.

Resumidamente, as ideias e ideais propagados geram publicidade e o Marketing é o “arquiteto” de toda essa trama. Por isso, que há tanta confusão nessas áreas, muitas vezes até mesmo por profissionais experientes.

 

A estratégia faz toda a diferença

Quando escolhemos o tipo de Propaganda (entendemos isso como qual abordagem iremos adotar para propagar ideias) logo surge a necessidade de pensarmos na estratégia para atingir tal objetivo.

Ao pensarmos em como atingir tal resultado ou ação, estamos na verdade criando a estratégia. E é aí que muitas campanhas publicitárias e ações de marketing fracassam. Falta estratégia!

 

Falar em público-alvo é clichê

Profissionais de Marketing e Publicitários estão cansados de ouvir a afirmação de que é preciso conhecer o público-alvo do seu negócio e dos seus produtos.

A segmentação desse público atualmente é conhecida com o que chamamos de persona. A persona é a personificação detalhada do público-alvo.

Por isso, antes de afirmar qual é o melhor tipo de propaganda ou de gerar publicidade para um determinado grupo é preciso conhecer as pessoas. E conhecê-las muito bem!

Invés de escolher um meio ou ferramenta devemos antes conhecer os anseios e dores que levam o consumidor a escolher um determinado serviço ou produto em relação a outro.

 

Ferramentas e meios para divulgar produtos e serviços

Partindo agora para o lado prático da propaganda e os meios de comunicação, podemos abordar conjuntos de ferramentas e práticas que ajudam na divulgação de produtos e serviços.

Logo abaixo você vai ver e entender como os diversos meios e ferramentas usam os recursos da Propaganda para gerar publicidade e criar desejo na mente dos consumidores.

 

Mídia impressa ou portais segmentados?

Por mais que os impressos tenham perdido espaço para os meios digitais, alguns veículos ainda se mostram como ótimas alternativas para a divulgação de produtos e serviços.

Revistas e jornais segmentados são exemplos disso e podem trazer retornos de publicidade, além de melhorar a reputação e imagem de uma empresa.

Por outro lado, jornais e outros veículos impressos já migraram para o meio digital ou se tornaram portais segmentados. Neste caso, temos a Publicidade Digital como forma de divulgação.

Dessa forma, a divulgação nesses meios deve ser devidamente direcionada para um perfil de público em questão.

 

MOOH (Mídia Out of Home)

Atingir o consumidor quando ele está fora da sua casa. Essa é a ideia central desse tipo de mídia. E engana-se quem pensa que outdoors e painéis são as únicas formas de MOOH.

Há dezenas de formatos de Mídia Out of Home e o seu objetivo é impactar o potencial consumidor em diferentes situações.

Por isso, se sua estratégia publicitária envolve atingir a massa sem grandes segmentações ou deseja criar Brand Awareness (conhecimento de marca) esse tipo de Propaganda pode ser a mais indicada.

Uma variante da MOOH é a DOOH (Digital out of home). Entrou em um elevador e viu um painel com publicidade? Foi passear no shopping e viu um telão gigante na entrada ou na saída? Bem vindo, isso é a mídia DOOH.

 

Links Patrocinados (SEM)

Os links patrocinados são parte de uma estratégia maior de SEM. Esse tipo de Propagada consiste em anúncios digitais e extremamente segmentados.

Esses anúncios são exibidos nas SERP’s dos buscadores em forma de links e usam a ideia de comportamento de busca como base para os resultados.

Esse tipo estratégia é ideal para quem precisa de resultados rápidos na geração de tráfego para projetos web (sites, blogs, lojas virtuais, portais online, etc.).

Os links patrocinados podem ser excelentes formas de atrair audiência e impulsionar negócios em um curto período, porém o seu custo geralmente é alto.

 

SMM (Social Media Marketing)

As mídias sociais caíram nas graças do mercado e se apresentam como ótimas ferramentas para a divulgação de produtos e serviços.

Elas são importantes nas estratégias atuais, mas para apresentarem resultados satisfatórios e reais é preciso muito planejamento, principalmente quando se refere à definição de métricas claras.

Trabalhar com as mídias sociais é trabalhar com dinamismo e relacionamento. Diferente do que muitos pensam, as mídias sociais é um tipo de divulgação que envolve profissionalismo como qualquer outro meio.

Portanto, as estratégias de social media são indicas para aproximar, gerar diálogos e interação com o público. Criar posts sem métricas e sem propósitos é perder tempo e em alguns casos pode até gerar efeitos negativos para a imagem de uma marca ou empresa.

 

Branded Content é a nova Propaganda?

Embora pareça ser um conceito novo, o Branded Content ou Conteúdo de Marca é mais que centenário e se formou pelas mudanças entre público e meios de comunicação.

Criar histórias úteis e interessantes para um público que, ao mesmo tempo, serve para promover uma marca. Esta é a essência do Branded Content.

Ele transforma a publicidade tradicional em histórias apoiadas pelos valores das marcas com os quais o público se identifica.

Resumidamente, é criar narrativas e histórias que emocionam e relevam o que o público realmente quer ver, unindo entretenimento, informação e publicidade.

Ainda confunde-se Branded Content com Product Placement

Muitos profissionais ainda confundem ou até mesmo desconhecem as diferenças de tais termos, pois no Product Placement a inserção do produto ou marca é feita de forma “despretensiosa” em filmes, programas de TV ou séries.

No Branded Content a marca age como protagonista de todo o conteúdo, unindo a publicidade e o entretenimento de forma proposital e bem produzida.

 

Branded Content não é o mesmo que Marketing de Conteúdo

Embora se pareçam e muitas vezes vistos como sinônimos, essas duas formas de propaganda possuem suas sutis diferenças. Enquanto a primeira é voltada para a marca, a segunda se dirige à audiência.

O Marketing de Conteúdo se baseia na produção constante (principalmente no formato de textos). Já o Branded Content é planejado em forma de campanhas mais elaboradas e multiplataforma.

Enquanto no Marketing de Conteúdo os objetivos são bem claros e focados em fazer o consumidor executar uma ação (clicar, comprar, assistir, compartilhar), no Branded Content tudo se volta para os valores e ideais que a marca deseja transmitir.

 

Conclusão

Escolher o melhor meio e ferramentas para divulgar produtos e serviços não é uma tarefa fácil e exata. É preciso planejar, entender os anseios do público e principalmente mensurar resultados.

A ideia de que um conceito de Propaganda ou de Publicidade é melhor que um ou outro soa um tanto amador e até mesmo improdutivo.

Como afirmamos no começo, tudo vai depender da estratégia de cada negócio, pois as ferramentas e meios de comunicação têm valores que só descobrimos quando os usamos de forma correta.

Ariane Gonçalves

faz conteúdo na Hostinger Brasil, uma multinacional especializada em hospedagem de sites. Jornalista por formação, tem o papel de fazer mágica com as palavras e contar para todo mundo sobre o poder da internet e encorajá-las a aprender, criar e crescer no mundo digital.

Comentários

PUBLICIDADE