Artigos

Canibalização de keywords e seus impactos em SEO

Imagem: target com a sigla SEO.

A pesquisa de palavra-chave é de extrema importância para a otimização de URLs e a produção de conteúdo. Mas é preciso ter cuidado nessas otimizações porque criar vários posts com a mesma keyword prejudica o SEO. Isso porque além do Google entender como conteúdo duplicado ainda confunde o crawler na hora de ranquear.

Por esse motivo a canibalização de keyword é um problema de SEO a ser evitado e os blogs de empresas são os que mais correm esse risco já que estão sempre produzindo conteúdo relacionado às principais palavras-chave do negócio.

 

O que é canibalização de palavras-chave

É quando diferentes páginas do mesmo blog ou site estão tentando ranquear para uma mesma keyword no Google ou em outros mecanismos de busca. Ou seja, a empresa disputa com ela mesma as primeiras posições na SERP para determinada palavra-chave.

Ao ler essa definição, você pode pensar que isso é ótimo para SEO, mas não é. Isso porque o Google pode entender como conteúdo duplicado na hora de ranquear e por isso penalizar as páginas.

 

Como funciona o ranqueamento do Google

Os spiders analisam o conteúdo para criar o ranking da SERP. E aí quando se deparam com páginas de um mesmo blog ou site com conteúdos otimizados para a mesma palavra-chave, eles encontram dificuldade em entender qual é mais relevante para ficar em posição melhor na página de resultados da busca orgânica.

 

Por que canibalização de keywords não é bom para SEO?

Porque não é bom para o buscador e nem para o usuário: conteúdo duplicado e resultados plagiados não são o objetivo do Google nem do Bing ou qualquer outro motor de busca. Isso porque o usuário não terá uma boa experiência na página de resultados. Por isso, a queda no ranqueamento ocorre com conteúdos duplicados.

Porque não é bom nem para a marca nem para seguidores: acompanhar um blog repetitivo não agrada os usuários, portanto, o descadastramento de newsletter pode acabar aumentando e assim impactar negativamente essa métrica.

Ou seja, acaba trazendo impactos para a empresa.

Porque se não é bom para ninguém, também não é bom para o SEO: você que acompanha o blog Search Lab já sabe que o usuário é o centro de tudo na Era Mobile. Inclusive no trabalho de otimização de sites para buscadores.

Portanto, conteúdos do mesmo site ou blog concorrendo entre si na SERP só atrapalha o SEO.

 

Canibalizar palavra-chave traz impactos para o negócio

Um dos desafios dos e-commerces, entre outras empresas com presença online, é a produção de conteúdo otimizado de qualidade inclusive para o blog da empresa. Ou seja, relevante e sem repetição de tema e de uma determinada keyword. Caso contrário, o negócio pode sentir algumas consequências como:

 

Queda no tráfego orgânico

Além de não ser legal para o usuário, a canibalização de palavra-chave também faz com que o robô do Google fique confuso em relação a qual texto ranquear melhor. É nesse momento que ele pode interpretar as páginas como plágio e isso resultar em perda de posições na SERP e consequentemente queda no tráfego orgânico.

Vale lembrar que canibalizar keywords também costuma ser um indício que as URLs não estão bem otimizadas. Então é preciso prestar atenção nelas para que ajudem a ranquear melhor.

 

Aumento do descadastramento de newsletters e queda nas assinaturas

Ter mais de um conteúdo com a mesma palavra-chave exata não é bom para o usuário já que repetir um mesmo tema toda hora no blog da marca se torna cansativo e nada interessante. Portanto o aumento de descadastramento de newsletter pode ser uma das consequências.

Quando o usuário descadastra sua newsletter é porque ele estagnou no topo do funil de vendas e também está empacado na jornada do cliente. E isso pode indicar que a produção de conteúdo não está exercendo sua função estratégica em Inbound Marketing. Portanto, deve ser melhor planejada.

 

Compromete até a última linha da planilha: o faturamento

Para aumentar o tráfego orgânico, estar nas primeiras posições dos buscadores é fundamental. Ou seja, a canibalização de palavras-chave é um empecilho para conquistar essa meta e também para as conversões no site. O que deixa seu e-commerce cada vez mais longe do objetivo de aumentar vendas.

  • Como evitar a canibalização de palavras-chave
  • Fazer estudos de palavras-chave para sua empresa;
  • Otimizar URLs;
  • Planejar conteúdo de acordo com URLs otimizadas sempre trazendo novidades relevantes (para não ficar mais do mesmo);
  • Cuidado especial nas “linkagens” internas e externas do blog institucional;
  • Entre outros (afinal, cada caso é um caso, não é mesmo?).

 

Meu e-commerce já tem esse problema de SEO: e agora?

Não se preocupe porque na vida há jeito para praticamente tudo. A solução não será imediata, mas se você contar com profissionais que entendam de SEO, a situação poderá ser resolvida. Como acabar com a canibalização de palavras-chave? Uma das formas é fazer uma análise para descobrir quais conteúdos precisam ser excluídos e quais podem ser unidos. Para isso, uma auditoria de conteúdo é necessária.

 

Conclusão

Criar vários conteúdos para o blog da sua empresa contendo a mesma palavra-chave faz com que um post concorra com o outro por melhores posições da SERP. O que cria assim um problema de SEO – a canibalização de keywords – que precisa ser solucionado para não comprometer o ranqueamento, o tráfego orgânico e o faturamento.

Daniel Arend

é Fundador da Search Lab.

Comentários

PUBLICIDADE